Luzimar Coelho em programa de TV
Luzimar Coelho em programa de TV

O vereador Luzimar Coelho (PRTB) foi o primeiro entrevistado no Programa da RedeTV apresentado por Silene Borges. O parlamentar falou de sua trajetória durante os 20 anos de luta como líder comunitário em Araguaína até chegar ao Legislativo Municipal nas eleições 2012.

Confira os pontos principais dessa entrevista:

Luzimar Coelho em programa de TV
Luzimar Coelho em programa de TV

Movimento comunitário

No primeiro bloco do programa, Luzimar destacou sua atuação à frente da Associação de Moradores do Setor Tecnorte (1993 – 1994) onde ajudou na conclusão da Igreja Católica e buscou pavimentação asfáltica para a localidade. “Havia uma carência imensa de pavimentação asfáltica e foi uma luta nossa, respaldado na época pelo vereador Agimiro Costa. Naquele momento histórico conseguimos 95% de pavimentação asfáltica do Tecnorte. E logo em seguida, através de mutirão, viabilizamos mais de 100 caçambas de aterro para fazer as calçadas. Então eu já nasci dentro do movimento comunitário são mais de 20 anos”, relembra.

De acordo com vereador, durante sua gestão foram realizadas muitas ações como os mutirões de limpezas do setor e cursos de qualificação profissional. “Isso me credenciou para que eu pudesse pleitear uma vaga para ser presidente do CCABA (Conselho Consultivo das Associações de Bairros de Araguaína), na época, eu lembro muito bem, que para ser presidente travei uma briga com um home honrado, preparado, trabalhador e jornalista, o nobre e saudoso Laércio Queiroz. Mas, depois Laércio veio somar comigo e fizemos um belíssimo trabalho”, afirmou.

“Quando ganhei a eleição do CCABA, há quase 20 anos, como Araguaína não tinha faculdade resolvemos viabilizar cursos de qualificação profissional para atender a população em parceria com a FIETO, tais como: na área da construção civil – pedreiro, encanador, eletricista e Mestre de obras. Na área de estética e beleza: maquiagem, manicure e cabeleireiro. Na área da culinária, corte e costura; bordado e pintura de tecidos. Com isso surgiram profissionais diversos, empreendedores. Hoje encontro pessoas na rua que relembram dessas oportunidades”, disse.

“Lembro-me ainda que Araguaína e região tinha uma carência muito grande no atendimento ao pequeno e médio produtor. Na época conseguimos com o governador Siqueira Campos a implantação do programa Lavoura Comunitária no Projeto Alegre. Conseguimos também com César Halum, que presidia o Ruraltins, e com o Deputado federal João Ribeiro, um carro cheio de adubos e sementes e desenvolvemos o programa lavoura comunitária com o projeto alegre por mais de três anos.

Naquele mesmo período conseguimos três tratores com o deputado Palmeri Bezerra e dois com a secretária Telma Siqueira Campos. E para nossa alegria os pequenos produtores da região diminuíram os esforços físicos porque a terra passou a ser mecanizada. Com isso tiveram produtos de melhor qualidade com menos esforços físicos. Então foi uma revolução no campo naquela ocasião e o preço da hora do trator era simbólico.

Em Araguaína fomos a primeira entidade associativa a implantar o programa de coleta seletiva de lixo, com prensa, com carros e mais de cinquenta caixas.  Quando sai deixei recursos na ordem de R$ 20 mil para construção de um galpão. Hoje temos a felicidade de ver ele funcionando”.

Eleições de 2008

Luzimar também relembrou do pleito eleitoral de 2008 quando ficou como suplente de vereador. “Não pude apoiar diretamente o então candidato a prefeito Ronaldo Dimas devido meu partido ter apoiado Célio Moura, por isso eu não apareci na televisão, com isso, ainda consegui muitos votos, mas não o suficiente para ser eleito”.

O vereador lembrou ainda que nas eleições 2012, o PRTB fez coligação com mais cinco partidos, tendo 32 candidatos. “Desse total os dois mais votados foram eleitos, eu e o vereador Abrão”.

Segurança pública

“A polícia comunitária começou na minha época, eles estavam nos bairros para garantir a segurança da comunidade. Hoje já não vemos mais isso. Quando ligamos a televisão vemos assassinatos, roubos e a polícia só chega depois. Nós vereadores estamos preocupados com essa, estamos sensibilizados e vamos tentar sensibilizar o governo porque há uma necessidade urgente de aumentar o quadro de policiais, civil e militares”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA