Diettrich: ‘A intenção é realizar um trabalho preventivo envolvendo escolas municipais, associações de moradores e Secretarias relacionadas’

O prefeito Jonas Marins (PCdoB) assinou na última sexta-feira (10) o decreto que cria a Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas (Compod) e estabelece o grupo que será responsável por medidas preventivas e de recuperação de dependentes químicos na cidade. De autoria do vereador Ueslei Carlos de Brito (PRTB), a coordenadoria será ligada diretamente a Secretaria de Ordem Pública, mantendo uma conexão com o Consórcio Intermunicipal de Segurança Pública do Médio Paraíba.

Diettrich: ‘A intenção é realizar um trabalho preventivo envolvendo escolas municipais, associações de moradores e Secretarias relacionadas’
Diettrich: ‘A intenção é realizar um trabalho preventivo envolvendo escolas municipais, associações de moradores e Secretarias relacionadas’

Segundo informações do secretário de Ordem Pública, Ebson Diettrich, a intenção é realizar um trabalho preventivo envolvendo escolas municipais, associações de moradores e Secretarias relacionadas.

– É claro que teremos que encarar um trabalho voltado para a internação e a recuperação de usuários de drogas. Mas a ideia principal é buscar, por exemplo, ministração de palestras em escolas. O que buscamos é diminuir a inserção de pessoas no meio – explicou.
Ebson afirmou que a coordenadoria, que será comandada por Emília Nascimento e Betinha Alves, também deve realizar um acompanhamento psicológico com os familiares de dependentes químicos. Ele destacou que, em geral, a família também adoece com o membro inserido nas drogas.
– Faremos o cadastro de pessoas na tentativa de reinserção à sociedade. Porém, não adianta tratar só o dependente porque a família fica doente também. Faremos o acompanhamento dos comportamentos dos familiares porque a família, não todas, é o estopim para a inserção às drogas – destacou.
O secretário ressaltou que as responsáveis pela coordenadoria já iniciaram as atividades na coordenadoria. Ele afirmou que os primeiros contatos foram iniciados ainda na manhã de hoje (13).
– Iniciamos o apoio logístico e de instalação aqui na Secretaria. As responsáveis já iniciaram os contatos com hospitais e delegacias para que todos os envolvidos com drogas que derem entrada nesses locais sejam encaminhados também a coordenadoria – disse.
Ebson Diettrich afirmou ainda que a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, comandada por Maria José Marins, também vai desenvolver atividades conjuntas com a coordenaria.
– A Secretaria de Assistência Social acompanha os moradores de ruas da cidade que, em geral, tem ligação com as drogas. A coordenadoria vai fazer um trabalho em conjunto – finalizou.
O vereador Ueslei Carlos de Brito (PRTB), que acompanhou a assinatura do decreto, defendeu a conscientização dos moradores da cidade, e principalmente as crianças. Para ele, “é preciso criar alternativas para que as pessoas que ainda não entraram no mundo de drogas, não sigam um caminho sem volta”.
– Precisamos sim pensar nos usuários de drogas e no combate ao tráfico. Mas, também é necessário criar alternativas. Todos os dias nossos filhos, colegas, vizinhos, as crianças e adolescentes da nossa cidade estão sendo alvo das drogas e precisamos trabalhar no que diz respeito à prevenção – reforçou.

Atividades

A Coordenadoria vai estar ligada, a princípio, à Secretaria de Ordem Pública.
A equipe será composta por vários profissionais como psicólogos e assistentes sociais. Entre as ações estão palestras nas escolas e associações de moradores; mobilização nas praças e em locais públicos; distribuição de três mil informativos sobre o perigo das drogas e onde buscar tratamento, entre outras.

Leia mais: http://diariodovale.uol.com.br/noticias/4,73355,Coordenadoria-de-combate-as-drogas-e-implantada-em-Barra-Mansa.html#ixzz2THw8DznE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here