Um programa, denominado de Bom Samaritano, destinado a dar amparo, assistência e reinserção social a moradores de rua de Goiânia, foi apresentando na Câmara de Goiânia pelo vereador Fábio Lima, do PRTB.

O projeto de lei estabelece que caberá às Secretaria de Assistência Social (Semas) e da Saúde da Prefeitura criarem as metas, estratégias e diretrizes para implantação do programa.
moradores-de-rua-em-Goiás
Pelo projeto, a Semas e a Secretaria da Saúde teriam de criar um consultório permanente para atender esses moradores de rua, bem como formar um cadastro específico, pelo qual seria feito o acompanhamento médico, psicológico e de aconselhamento.

A proposta de Fábio Lima prevê ainda a assinatura de convênios e acordos com unidades públicas ou privadas para disponibilizar vagas para dependentes químicos atendidos pelo programa. “Também está prevista acordos com a iniciativa privada para a recolocação profissional e capacitação da população de rua de nossa capital”, lembra o vereador.

Justificativa

“De forma alarmante”, lembra Fábio Lima, “tem crescido o número de pessoas que vivem nas ruas em Goiânia, em condições de mendicância. Isso é assustador. Nosso projeto visa, portanto, dar uma perspectiva de sociabilidade para essa população, com amparo e reinserção psicossocial”.

Para o vereador do PRTB, investir em políticas públicas que atendam as necessidades dos menos favorecidos e marginalizados “é essencial para o desenvolvimento do município, bem como diminuir a violência e consumo de drogas, resgatando essa gente para o convívio mais justo, fraterno e igualitário”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here